fbpx
Para escolas

05 de agosto de 2020

Planejamentos estáticos não sobrevivem ao novo normal

contextos dinamicos

No mês passado realizamos virtualmente nosso encontro de parceiros Mind Makers: O Meeting 2020. E foi demais! Conseguimos trazer debates muito interessante a respeito das mudanças e novas adequações da educação ao novo normal.

E no primeiro dia do encontro, Dudu Obregon, co-autor da disciplina Empreendedorismo Criativo, trouxe-nos uma conversa super legal e importante sobre a forma de lidar com as transições e mudanças nos planejamentos.

Dudu nos mostrou conceitos do Empreendedorismo e nos fez refletir sobre o quanto a criatividade e um olhar novo para o mundo pode nos ajudar em momentos de dificuldades (como o vivido por todos nós diante a pandemia).

A forma de raciocínio apresentada pode ser aplicada desde a infância e nos ajuda a desenvolver uma linha de criação que baseia-se no agora.

novo normal

E, nós trouxemos um post que vai dissecar todo o assunto aqui para o blog da Mind Makers. Vamos lá!

O novo normal mudou nossa percepção do agora

Desde a antiguidade o ser humano vem sendo educado para agir de acordo com um planejamento linear. Quando surge um problema, ou uma situação, traçamos um plano e seguimos até a finalização deste plano. Mas diante de um contexto tão volátil e dinâmico, como o do novo normal, isso funciona?

Os intempéries e as dificuldades no meio do caminho acabam por dificultar e gerar curvas não previstas e que podem destruir por completo nossa programação. Quem nunca planejou uma festa na varanda de casa ou um jantar sábado à noite e foi atrapalhado por uma chuva? 

Em 2020, temos vivido o contexto mais inesperado do século. Planos de milhares de pessoas foram por água e todos precisaram se reinventar das formas mais excepcionais e saindo das zonas de confortos. E é por isso que queremos trazer para vocês um conceito empreendedor muito importante e que pode mostrar o quanto planejamentos mutáveis são essenciais para o novo normal.

.

Contextualizando o conceito 

O conceito que transmitiremos neste post foi desenvolvido e estudado por  Saras Sarasvathy, professora de empreendedorismo na Universidade de Virgínia, EUA. Sarasvathy pesquisava pelo diferencial no pensamento de empreendedores de sucesso e chegou a uma conclusão que pode nos fazer refletir sobre a forma com a qual lidamos com as situações da vida. 

Ela dividiu as formas resolutivas do ser humano em dois tipos: A Lógica Causal e a Lógica Efetual.

.

Lógica Causal:

A lógica causal está conectada ao que dissemos no início deste artigo. Ao pensamento natural dos humanos para a resolução de conflitos. A lógica onde traçamos um planejamento linear e toda realização precisa segui-lo.

Esse desenvolvimento pode ser travado por inúmeros fatores e gera na maioria das pessoas a desistência daquele projeto. Está muito conectado a uma previsão (completamente incerta do futuro) que torna a configuração da ação algo frágil. 

E em momentos como o em que estamos inseridos, este estilo de lógica pode ser fatal. Independentemente se seu planejamento é de um modelo de negócio ou apenas uma viagem em família. Tudo pode ir pelo cano!

.

Lógica efetual:

Já a lógica efetual, está conectada a quebra da rigidez de planejamentos estáticos e básicos. Ela conecta-se ao planejamento do empreendedor de sucesso, que traça seu plano e entende que os contextos movimentam-se e um futuro é cada vez mais imprevisível. 

Basta o empreendedor entender, naquele momento, quem é (quais são suas competências e habilidades), quais ferramentas e recursos têm disponíveis e quem ele conhece. E assim, aprender fazendo, um passo de cada vez.

Este estilo de pensamento se encaixa perfeitamente em qualquer contexto, seja ele estático ou completamente dinâmico e imprevisível como o vivido em nosso novo normal.

.

A pandemia e o contexto dinâmico do novo normal

contextos dinâmicos

Não é mais segredo para ninguém o que a pandemia causou. No contexto da educação, tivemos de nos adaptar e desenvolver um modelo de ensino remoto completamente às pressas. 

E a conexão que queremos trazer é exatamente esta. Não podemos prever o que vai acontecer no segundo seguinte, mas devemos saber o que precisamos fazer agora e tomar às mãos todas as ferramentas possíveis para cumprir o objetivo. 

“É preciso um norte e não um ponto de chegada” – Dudu Obregon

E esta é a mensagem da Mind Makers para o contexto dinâmico no qual estamos inseridos. Esteja pronto para planejar e replanejar, estruturar e reestruturar. Contextos dinâmicos exigem planejamento também dinâmicos.

Seus alunos, você e sua equipe necessitam do desenvolvimento do potencial criativo para lidar com as dificuldades deste caminho incerto que é a vida.

Copyright © 2021 Mind Makers. All rights reserved.